Saturday, 22 May 2021

A QUEDA | RETHINKING SUSTAINABLE GOALS

SÉRIE - RETHINKING SUSTAINABLE DEVELOPMENT GOALS
time-reading-barometer |1 minutes 29 seconds | 297 words

A queda da humanidade aconteceu quando se separou o pensamento das ciências (dos números), do pensamento das humanidades (das letras),  tornando o seu acesso impossível à pessoa-comum. Pessoa-comum que sem o direito à humanidade-das-letras e sem o direito à ciência-dos-números curvou-se perante o que lhe era dito, ao invés de o saber decifrar. A matemática, como ciência-dos-números, afastou-se da vida da pessoa-comum e fechou-se sob o primado da acessibilidade concedida apenas aos que eram escolhidos, incompatibilizando-se com a subjetividade do humanismo das-letras ou, talvez?!, tenham sido as-letras a incompatibilizarem-se com a objetividade da ciência dos números!? Ninguém sabe.  As-letras caíram  no descrédito da volatilidade subjetiva do-poder-instituído que relativizou a palavra,  excluindo a ciência-do-número da sua semântica sempre que havia-interesse. Os números, as equações e as operações permaneceram sob o domínio da verdade axiomática do  título académico  da ciência dos números excluindo o humanismo-das-letras sempre que  havia-interesse. A humanidade das letras e a ciência dos números  distanciaram-se da realidade da pessoa comum para nunca mais se aproximarem.  Porém, à pessoa-comum sempre pertenceram as palavras copioso-esforço para obter o minguado-número. Injusto anda o mundo. 

#ODS1 PEDIMOS DESCULPA A TODAS AS PESSOAS COMUNS QUE NUNCA  CONHECERAM A MATEMÁTICA DA PALAVRA DIGNIDADE. AGE. INTERVÉM. SOPRA. ACREDITA.  AGE COMO SE NUNCA TIVESSE EXISTIDO NENHUM ARTIFÍCIO DE MODA, DE NEGÓCIO, NEM DE POLÍTICA. INTERVÉM UTILIZANDO A SINGULARIDADE DA TUA LINGUAGEM, COMO SE A TUA-LINGUAGEM FOSSE O ÚNICO REMÉDIO CAPAZ DE CURAR TODA E QUALQUER DESORDEM.    SOPRA PÉTALAS OF KNOWLEDGE TO BE  E ESPERA QUE O VENTO AS TRAGA MAIS FORTES.  ACREDITA na FORÇA DA positividade (PAZ), DA genialidade (INOVAÇÃO) e DA  responsabilidade (EMPREENDEDORISMO) E DESAFIA A FORÇA DA GRAVIDADE DE QUEM NÃO ACREDITA.